Página principal
 
Ministério de Educação Cristã
 
ESCOLA BBLICA DOMINICAL
Espao destinado s Classes da EBD, com atividades, estudos bblicos e a opinio do professor
 
 Classe de Casais I  -  Professor Edzard Barbosa Gomes

Professor Edzar Barbosa Gomes Adultos - Classe Casais I

Comentrio do Professor

 

PROFETAS MENORES (I)

12/13: JONAS Entrega a Mensagem  Jonas 3

DEUS viu as obras deles, e como se converteram do seu mau caminho (Jn 3.10)

Ol Amado(a).

A histria de Jonas extraordinria. Surpreende-nos o nvel de relacionamento deste Profeta com o prprio DEUS. Podemos at compar-lo a Davi, pois, apesar de Jonas desobedecer a YAHU, no notamos relao de inimizade entre eles. Jonas no necessitou pedir perdo e tampouco YAHU descarta Jonas de Seus propsitos. Davi, igualmente, ao ter seu pecado exposto pelo profeta Natan, se nega a oferecer sacrifcio, conforme a Lei, e YAHU no toma este fato por ofensa.

O propsito de YAHU para com o Imprio Assrio (Nnive, por capital), est relacionado com Suas Misericrdias para com o prprio Povo de Israel, e nada tem a ver, em si mesmo, com a Cidade de Nnive. No podemos aceitar, portanto, a anlise da grande maioria dos comentaristas que afirma ter YAHU estendido Sua Salvao aos habitantes de Nnive, havendo estes se convertido.

A mente idlatra farta de espaos para crendices e novos deuses. A multiplicidade de deuses (entidades para se apoiarem) a conotao da mentalidade espiritual idlatra. O DEUS de Israel, YAHU, conhecido entre as Naes por seus grandiosos feitos do passado e, certamente YAHU se utilizou de fatos da religiosidade do prprio povo Assrio para fazer com que em apenas um dia de anncio o povo aceitasse a mensagem de arrependimento levada por Jonas. A partir da os prprios arautos do Rei Assrio se incumbiram de proclamar tal mensagem aos confins do Imprio.

O arrependimento proclamado nada tem a ver com o abandono da idolatria, nem com a aceitao de YAHU por nico DEUS Verdadeiro. Apenas demonstrou o medo de que a Palavra trazida por Jonas pudesse destru-los. A Mensagem era para se converterem de sua maldade (1.2).

O povo creu na Mensagem de Jonas e arrependeu-se de sua crueldade e de sua violncia em seus relacionamentos, fato que foi seguido com jejum pelo prprio Rei (v.6) e, mui certamente, este fato abrandou em definitivo o relacionamento dos Assrios para com os povos inimigos conquistados.

Este era, ento, o objetivo do Plano Divino, j que mais tarde, o Imprio Assrio utilizado por YAHU para a destruio do Reino de Israel (Reino do Norte). A Compaixo e a Misericrdia de YAHU  tal, que, mesmo no castigo ao Seu Povo, a intensidade do mesmo atenuada.

No podemos deixar de falar do jejum proclamado pelo Imperador Assrio. O jejum prtica das Naes e foi absorvido por Israel juntamente com os dolos das Naes vizinhas.

O Cristo de YAHU no valorizou o jejum. Na Lei, em algumas proclamaes, YAHU ordenou afligireis as vossas almas, porm, vivemos o Novo Tempo, no qual, em Cristo tudo se fez novo. Em Cristo, pois, se fez tempo de refrigrio para nossas almas, no mais sendo necessrio qualquer tipo de jejum. O ltimo tempo de aflio durou exatamente as trs tardes e trs manhs sinalizadas por Jonas, perodo no qual o Messias/Cristo esteve no seio da Terra, aps a decepo da crucifixo.

O Livro de Jonas nos sedimenta, pois, a verdade de que Cristo permaneceu trs noites e trs dias no seio da Terra, aps sua morte, nos levando a uma melhor anlise dos acontecimentos daqueles dias e, nos mostrando, mais uma vez, como o cristianismo secular se encontra desalinhado com muitas anlises Bblicas. A Morte de Cristo no ocorreu, como se ensina, em uma Sexta Feira.

Da anlise dos versos 1 e 2 do Captulo 16 do Evangelho segundo Marcos, se entende que o dia dos preparativos das mulheres para irem ao Sepulcro, jamais poderia ser o Domingo, quando elas, ainda na aurora, j se encontravam no mesmo. Das palavras de Cristo, e dos relatos de haver Cristo morrido em uma Pscoa Judaica (I Co 5:7), o correto retroagir as trs tardes e trs manhs, judaicas, do DOMINGO da Ressurreio, conforme os Evangelhos. Cristo ressuscitou na tarde judaica desse Domingo, o primeiro dia da Semana, pois, ao chegarem ao sepulcro, pela manh, as mulheres ouvem o anjo afirmar: - Ele j ressuscitou. A Mensagem de Salvao pela F na Obra de Cristo passa por sua Ressurreio, referendada na experincia de Jonas. Como Pombas, testemunhemos! Halelu YAH!

Em Cristo,

Zaz (Halelu YAH! Significa Louvemos YAH onde YAH uma forma abreviada e respeitosa para o Nome de DEUS YAHU).

Lições do trimestre atual
(Clique no ttulo da lio para fazer download do arquivo desejado. Os comentrios das lies da EBD aqui publicados foram elaboradas pelo Professor Edzard Gomes, da Classe de Casais I da EBD - Igreja Batista da Capunga)

2017 - 4 TRIMESTRE: PROFETAS MENORES

2017-10-01 | 01/13: OSEIAS Uma difcil chamada
2017-10-08 | 02/13: OSEIAS Uma contenda com DEUS
2017-10-15 | 03/13: OSEIAS Consequncias do pecado
2017-10-22 | 04/13: OSEIAS Exortao ao arrependimento
2017-10-29 | 05/13: JOEL Promessa da Efuso do Esprito
2017-11-05 | 06/13: AMS Uma terrvel descrio
2017-11-12 | 07/13: AMS Chamamento ao Perdo
2017-11-19 | 08/13: AMS Promessa da Restaurao
2017-11-26 | 09/13: OBADIAS Viso de um povo em pecado
2017-12-03 | 10/13: JONAS A reao do Profeta
2017-12-10 |
11/13: JONAS Dentro de um peixe
2017-12-10 | 12/13: JONAS Jonas entrega a mensagem

Lições dos trimestres anteriores

2014 - 1 TRIMESTRE: "XODO"
2014 - 2 TRIMESTRE: "MARCOS"
2014 - 3 TRIMESTRE: "ESPIRITO SANTO: MISSO E AO"

2014 - 4 TRIMESTRE: "EPISTOLAS PAULINAS"
2015 - 1 TRIMESTRE: "O PENTATEUCO"

2015 - 2 TRIMESTRE: "O EVANGELHO DE LUCAS"

2015 - 3 TRIMESTRE: "DOUTRINAS BBLICAS"
2015 - 4 TRIMESTRE: "RESTAURAO E ESPERANA"
2016 - 1 TRIMESTRE: "JOSU, JUIZES E RUTE"
2016 - 2 TRIMESTRE: "O EVANGELHO DE JOO"
2016 - 3 TRIMESTRE: "A IGREJA DE JESUS CRISTO"
2016 - 4 TRIMESTRE: "A CARTA AOS HEBREUS"
2017 - 1 TRIMESTRE: "O MESSIAS ANUNCIADO"

2017 - 2 TRIMESTRE: "O CRISTIANISMO PIONEIRO"

Os arquivos esto agrupados por trimestre e compactados.

Revisões e testes das lições

Alfabeto Hebraico
Reviso - Atos dos Apstolos

Reviso - Sermo do Monte
Reviso - Profetas Menores

Reviso - Livros da Restaurao

"Todo o contedo aqui divulgado de responsabilidade do(s) respectivo(s) autor(es)"



Retornar -  pagina da Educao Crist
 

Untitled Document

 

 

Em construção

 
       

Pastor: Ney Silva Ladeia
Pastor Emérito: José Almeida Guimarães
Pastor In memoriam: José Munguba Sobrinho

Rua Fernandes Vieira, 769 - Parque Amorim - Recife/PE CEP 50050-200 | Fone/Fax: (81) 3092-6578
Email: falecom@capunga.org.br